Russia-St. Petersburgo

Rússia é o país da riquíssima história e cultura

Desde tempos antigos existem as tradições religiosas e culturais de diferentes povos que moram aqui. O conjunto arquitectónico do Kremlin de Moscovo, palácios de São-Petersburgo, cidades antigas da Volta Dourada são conhecidos em todo o mundo.

Moscovo

Moscovo é a capital da Federação da Rússia, centro de negócios, ciência e turismo. A Moscovo pela primeira vez foi mencionada nas crônicas em 1147. A cidade foi fundada por príncipe de Suzdal Yuriy Dolgorukiy. O desenvolvimento rápido de Moscovo deve-se a favorável posição geográfica em que se cruzam as vias comerciais de entre os rios Oká, Volga e rio Moscovo.
O aspecto arquitectónico da cidade se formava durante séculos. Os melhores arquitetos e pintores de Moscovo e do estrangeiro contribuíram na criação da sua imagem sem par. Actualmente Moscovo é uma das mais bonitas capitais do mundo. O conjunto arquitectónico do Kremlin de Moscovo, as majestosas cúpulas da catedral de São Basílio, reconstruída catedral de Cristo Salvador, mosteiros Novodevichy, Donskoi, Svyato-Danilov, parques e palácios de Kolomenskoye, Kuskovo, Ostankino criam a imagem específica da cidade.

Cada turista que visita a capital vai se lembrar do encontro com esta cidade maravilhosa.
Moscovo é o centro cultural de importância internacional. Há mais de 70 teatros dos quais o mais famoso é Bolshoi. As coleções ricas de pinturas, obras gráficas e plásticas são reunidas nas salas de cerca de cem museus dos quais os mais famosos são Galeria de pintura Tretiakov e museu das obras artísticas A.S. Pushkin. Na cidade há dezenas das salas de concertos, cinemas, conjuntos de exposição.
Moscovo moderna é a cidade de congressos, fóruns, festivais feiras industriais. São famosos o Festival cinematográfico de Moscovo e Exposição internacional de Turismo MITT.
Os arredores de Moscovo é o mundo dos monumentos históricos, culturais e naturais. O estado protege oficialmente cerca de 2200 objectos de interesse turístico. As cidades da região de Moscovo Sergiev Posad, Zvenigorod, Serpukhov, Kolomna cada ano atraem mais viajantes.

Os mosteiros que durante séculos eram centros da vida espiritual da Rússia são coisas notáveis na região de Moscovo. São muito bonitos os conjuntos arquitectónicos dos mosteiros de Troitse-Sergeeva Lavra, de Nova Jerusalém e Iosifo-Volokolamskiy. São pitorescas e românticas as senhorias da região de Moscovo: Arkhangelskoye, Márfino, Abramtsevo, Sukhanovo, Melikhovo.

“Volta Dourada”

“Volta Dourada” – a viagem muito popular para com turistas e passa por nordeste de Moscovo através das cidades russas antigas de: Sérguiev Possad, Pereyaslavl-Zalesskii, Rostov Velikii, Yaroslavl, Uglitch, Kostroma, Suzdal, Vladimir e muitos outros. Os viajantes vão ver dezenas dos monumentos históricos e de arquitectura muito interessantes dos séculos XII - XVII.
Muralhas e torres das fortalezas e mosteiros, igrejas de pedra branca e obras-primas da arquitectura de madeira, frescos e ícones... Tudo isto são testemunhas dos séculos passados que guardam a ligação entre as cidades da Volta Dourada e permite sentir a Rússia Antiga.

A viagem Volta Dourada compreende visita a Troitse-Serguieva Lavra e Vladimir e Suzdal cuja arquitectura de pedra branca está incluída na lista dos monumentos históricos da UNESCO.
As cidades da Volta Dourada atraem turistas por antigo artesanato russo. Estas são: esmalte de Rostov, bandejas pintadas de Zhostovo, guarda-jóias de Palekh, obras de vidro de Gus-Khrustalny. A tradição do artesanato passa de uma geração a outra. Todos que são interessados em cultura e arte russa tem que visitar o museu de arquitectura de madeira em Suzdal, museu e casa do pintor Levitan em Ples, museu “Biblioteca da vodka russa” em Uglich.
Pode conhecer os monumentos históricos e culturais da região de Vladimir numa viagem turística “Pequena Volta Dourada”. Além de Vladimir e Suzdal esta viagem compreende visita às cidades russas antigas Murom, Gus-Khrustalny, Alexandrov, Yurev-Polskiy, Bogolyubovo. Lá perto do embocamento dos rios Nerl e Kliazma encontra-se um dos mais famosos monumentos da arquitectura antiga de pedra que é templo Pokrov na Nerli.

Sao-Petersburgo

Veneza do Norte, Palmira Norte, Cidade de noites brancas... São os nomes da majestosa Sao-Petersburgo, talvez, uma das mais bonitas cidades russas!
Palácio de Inverno, flecha do Almirantado, língua da ilha Vassilevskiy, templos Isakievskiy e Kazanskiy. Cavalheiro de cobre, esculturas e grade do jardim de Verão, canais e pontes do rio Neva abertos na noite. Tesouro de Hermitage e Museu Russo, teatro Mariinsky inesquecíveis noites brancas. Petersburgo de Pushkin e Dostoevskiy, Blok e Akhmatova. Pode admirar desta cidade eternamente!
São encantadores os subúrbios de São-Petersburgo. São excelentes os palácios e parques da Vila Real, as fontes de Peterhof, alamedas de Pavlovsk em que se realizavam famosos concertos musicais e onde deu seus concertos o “rei das valsas” Johann Strauss.
“Anel de prata da Rússia” é o nome da rota turística de São-Petersburgo à região noroeste que abrange as cidades antigas russas Novgorod, Pskov, museu e couto “Montes de Pushkin”, Izborsk, Gdov, Porkhov e suas fortalezas antigas. Esta rota permite conhecer o Kremlin de Novgorod e seus catedrais dos séculos XI - XV.

Carélia

É rica de monumentos da cultura a Carélia que fica ao norte de São-Petersburgo. Em primeiro lugar é Kiji – o mais grande conjunto de arquitectura de madeira na Rússia e mosteiro de Valaam – um dos centros espirituais da Rússia, foi fundado no século XIV na ilha Valaam do lago Ladojskoe.

A pérola do mar Branco, nobreza do Norte Russo é assim que chamam as ilhas Solovetskie e seu mosteiro Spasso-Preobrajensky da história rica. Famosos centros turísticos do norte da Rússia são cidades Vologda, Arkhangelsk e Kargopol e famoso mosteiro Kirillo-Belozersky em que se guarda uma coleção de ícones des séculos XV - XVIII.

Rio Volga 

Volga-mãe, grande rio russo. Um rio lendário, mencionado nas canções e narrações, uma parte da imagem espiritual russa. Desde há muito Volga foi uma via comercial muito importante. As cidades fundadas nas suas margens tornaram-se grandes centros culturais da Rússia.

Começam conhecer a região da Volga em Kostroma. Esta é uma cidade antiga russa, centro da arquitectura das igrejas faz parte dos centros turísticos mais importantes da Volta Dourada.

Nijniy Novgorod

No local de embocamento de Oká e Volga encontra-se Nijniy Novgorod – um dos centros mais grandes de comércio, ciência e cultura e história de muitos séculos. O que destaca Nijnii é a feira de cada ano de várias exposições e forumes. As terras de Nijniy Novgorod são famosas por seu artesanato: gravação entalhada em madeira de Gorodets e pintura de Khokhloma e de Gorodets.

Kazan 

Mais uma cidade grande da zona de Volga é Kazan – a capital da República de Tartária. Nba sua história, em monumentos históricos, tais como Kremlin de Kazan, o espírito russo está misturado com aroma do Ocidente. Actualmente Kazan é grande centro cultural em que convivem tradições russas e tartáricas.

É impossível formar uma noção certa a respeito da parte central da zona de Volga sem se lembrar das antigas cidades comerciantes de Samara, Saratov, Ulyanovsk (antigo Simbirsk).

Volgograd e Astrakhan

As cidades mais grandes da parte sul da zona de Volga são Volgograd e Astrakhan. Tsaritsyn-Stalingrado-Volgograd durante quatro séculos da sua existência encontrava-se muitas vezes no foco dos acontecimentos políticos e culturais do estado. É notável a arquitectura do cais central da cidade com majestoso monumento de Mamaev Kurgan criado em honra dos defensores de Stalingrado.

A antiga Astrakhan é conhecida desde século XIII e é a última cidade a visitor quando viaja por rio Volga. A parte histórica da cidade se encontra na ilha de Volga. No topo da colina mais grande da ilha encontra-se o Kremlin de pedra branca do século XVII.

Krasnoyarsk

Zona de Krasnoyarsk é o coração da Sibéria e centro geográfico da Rússia. A capital desta terra é célebre em suas fontes e sua quantidade e aspecto curioso. No museu local estão representadas raridades da antiguidade de ibéria, em 2001 este museu foi reconhecido o melhor entre todos os museus provinciais.

Ao norte de Krasnoyarsk no rio Enissei encontra se a mais antiga cidade de Sibéria Oriental Enisseisk, fundada em 1619. Aqui há muitos monumentos de arquitectura. Mais para norte na cidade de Turukhansk se encontra o mais antigo mosteiro masculino da Sibéria. Em Igarka há único museu subterrâneo de terras congeladas.

Tuva é o centro geográfico da Ásia. As tradições antigas de xamanismo andam a par de budismo. Ao viajar por esta terra é possível assistir a cerimônia mística de xamã, conhecer a força saudável do xamanismo.

Tuva

As canções de garganta da Tuva são conhecidas em todo o mundo mas é somente em Tuva, onde pode sentir o natural destes sons e sua correspondências a natureza dos estepes e regiões montanhosas do planalto de Saian.

O centro geográfico da Ásia encontra-se perto da capital de Tuva – cidade Kyzyl. Esta cidade estã famosa em seu templo budista, museu nacional de Tuva – um dos maiores da Ásia e clínica única em que o tratamento é por métodos de xamãs.

Baikal

Baikal é o maior e o mais fundo lago de água doce do mundo esta célebre por sua beleza. A região de Baikal é rica do ponto de vista histórico-cultural..

Irkutsk

Irkutsk fica situado nas margens do rio Angará a 70 km de Baikal e é grande centro cultural, científico e turístico da Sibéria Oriental. A cidade foi fundada nos meados do século XVII e cresceu rapidamente devido a sua posição favorável. Aqui passaram vias comerciais da Rússia e Europa para Mongólia e China.

Nos meados do século XIX em Irkutsk encontrava-se um grupo de decembristas que influenciaram muito sobre o desenvolvimento desta terra. Existe uma exposição dedicada a esta página da história e encontra-se nos coutos de Serguei Volokhonsky e Serguei Trubetskoy. Na cidade há objectos de arquitectura de madeira entalhada.

Buriátia 

Buriátia é a terra de estepes, florestas e montanhas fica para sul e este de Baikal, tem rica história étnica e religiosa. Os burritos são povo mais numeroso da Sibéria e são xamanistas desde tempos antigos. No início do século XVIII em Transbaikalia apareceu budismo e junto com ele chegaram lá os conhecimentos e a cultura dos povos de Mongólia e Tibete. Um dos monumentos de arquitectura mais importantes é o mosteiro lamaísta (datsan) na cidade Gussinoozérsk que nos séculos XVIII - XIX era o centro de budismo na Sibéria Oriental.

Nós temos contado sobre os principais monumentos histórico-culturais da Rússoss. Em infinitos espaços da Rússia há muitos lugares históricos e coisas notáveis que os turistas conhecem pouco. Descobrir os novos encantos da Rússia, receber novas impressões é o que pode fazer qualquer viajante seja natural da Rússia ou do estranjeiro.

Informação relacionada